Jornal da candidatura

Share Button

Queremos transformar a cidade do Porto numa cidade boa para todas as pessoas viverem. O mesmo que é dizer – como escreve Ana Luísa Amaral, nossa cabeça de lista à Assembleia Municipal do Porto – “uma cidade “mais justa. Ao serviço das pessoas. Um Porto onde ‘pacto’ não signifique pactuar com os interesses instalados. Mas um Porto de pactos justos. Um Porto porto de abrigo. Um Porto que seja de facto, seu: dele, de si, Porto, e de nós todos e todas. Das pessoas. Um Porto que promova a erradicação da pobreza e combata a desertificação, convidando as pessoas a habitarem-no e a nele ficarem, felizes. Uma cidade aberta e cheia, não esvaziada de gente.”´