Cabeça de lista à freguesia de Ramalde

Share Button

Bárbara Veiga nasceu em 1985, no Porto. Designer por formação e profissão, tem trabalhado em várias áreas, nomeadamente como animadora de crianças e jovens, tanto a nível profissional como no âmbito de ações de voluntariado.
Reunindo a paixão pela sua cidade natal, pelo Cinema, pela consciência da necessidade de preservar o património e instigada pela vontade de intervir social e culturalmente, tem desenvolvido alguns projetos documentais que têm como mote essas mesmas preocupações.
Recentemente, esteve envolvida no projeto Gerarte – Residência Artística que tinha como objetivo alertar para a existência de jovens criativos e com habilitações em situação de desemprego e precariedade.

Porque te meteste nisto?

A questão “E se Virássemos o Porto ao Contrário?” é nitidamente um desafio para juntarmos ideias, resoluções e para serem empreendidas ações no sentido de se construir um sítio melhor para todos vivermos. Esta é a minha cidade e quero ficar aqui e lutar por ela em conjunto com todos aqueles que tenham os mesmos objetivos, com outras ideias, juntando forças. Quero conhecê-la o melhor possível e contribuir para que cresça aos mais variados níveis, para se conseguirem criar condições para quem cá vive, porque o Porto são todos os que cá estão e os que gostariam de estar mas que tiveram que se ir embora em busca de melhores condições de vida.

Cresci em Ramalde, tenho aqui as minhas raízes de família, os meus amigos de sempre, pessoas com que me vou cruzando e que me são familiares. Conheço os problemas e as características desta freguesia e tenho comigo uma lista de pessoas nas mesmas circunstâncias, que conhecem Ramalde há tantos e há mais anos do que eu, com formas diferentes de pensar os problemas e deos resolver, e que estão disponíveis, tal como eu, para perceber os factos concretos da freguesia e para apresentar soluções a questões comuns do dia a dia, no sentido de melhorar o modo de vida dos ramaldenses. Acredito poder fazer a diferença e sinto-me feliz pela perspetiva de poder vir a concretizar melhorias que já tinha considerado necessárias.

Bárbara Veiga

Cabeça de lista à freguesia de Ramalde